A Pousada Toca da Garoupa

Está localizada na Floresta Velha, fica a 6 minutos a pé da praia do Cachorro, em Fernando de Noronha, Pernambuco, na região de Vila dos Remédios, proximidades. A Pousada Toca da Garoupa, oferece acomodações com: ar condicionado, telefone, frigobar, TV com SKY, banheiro privativo com secador de cabelo. Wi-Fi gratuito.
Um café da manhã continental é servido diariamente nesta hospedagem domiciliar, no horário de 07:00 às 09:00.

A recepção funciona para atendimento no horário de 07:00 às 20:00

A Pousada Toca da Garoupa oferece um terraço e um amplo jardim para você relaxar.

O Porto de Santo Antônio fica a 1,6 km da acomodação. O Aeroporto de Fernando de Noronha fica a 2 km de distância, e a propriedade oferece um serviço de translado gratuito para o aeroporto.

Esta é a parte de Fernando de Noronha de que os nossos hóspedes mais gostam, de acordo com avaliações independentes.

Casais particularmente gostam da localização — eles deram nota máxima para viagem a dois ou mesmo com família.

Esta acomodação é avaliada pelo melhor custo-benefício em Fernando de Noronha! O dinheiro dos hóspedes vale mais, quando comparado com outras acomodações na ilha de Fernando de Noronha.

Nós falamos a sua língua!

Pousada Toca da Garoupa – A sua casa no paraíso, tem recebido hóspedes da Booking.com desde 3 de dezembro de 2016 e agora já iniciando parcerias com a Expedia.com e Despegar.com.

A Garoupa
O nome Garoupa se refere ao peixe que estampa a cédula de R$ 100,00 brasileira. Um peixe que tem um aspecto bastante peculiar e que faz a alegria de muitas pessoas, afinal ter notas de cem reais é certamente algo bom. Embora estampe a nota mais alta do país poucas pessoas conhecem detalhes a respeito da espécie.

Esse peixe é encontrado geralmente nas regiões Norte, Nordeste e Sudeste do Brasil. As características principais desse peixe é ter escamas pequenas distribuídas pelo seu corpo. O tamanho do corpo, cabeça e boca é grande, conta ainda com um pedúnculo na sua nadadeira caudal. Pode chegar a medir mais de 1,5 metros e pesar em torno de 60 kg. No Brasil outras espécies similares também são chamadas de Garoupa, damos destaque para três: Epinephelus guttatus, Epinephelus morio e Epinephelus striatus. A primeira é chamada popularmente de Garoupa Pintada e possui como principal característica a sua coloração que varia entre o verde e o marrom contando com a distribuição de barras marrons e pintas vermelhas. Esse peixe pode chegar a medir 75 cm e pesar 25 kg. A segunda espécie é chamada de Garoupa São Tomé e tem um corpo bastante robusto além de uma nadadeira caudal que se encontra truncada nos indivíduos mais jovens. Nessa espécie o segundo espinho da nadadeira é maior que os demais. Pode medir até 80 cm e chega a pesar em torno de 20 kg. A última espécie citada como um tipo de Garoupa é conhecida como Garoupa da Trindade e se parece muito com a espécie anterior exceto pelo fato de que é o terceiro espinho da nadadeira que é maio.
Uma espécie que é encontrada distribuída ao longo do litoral brasileiro, uma curiosidade é que esse tipo de peixe prefere viver em tipos de tocas no fundo do mar. Por isso se concentram nos fundos de pedras e corais. Os indivíduos adultos dessa espécie podem ser encontrados em profundidades entre 15 e 100 metros. É possível que esses peixes vivam também em estuários.
A espécie entendida como a garoupa verdadeira pelos biólogos é aquela que está presente no oceano Atlântico especialmente a leste das Ilhas Britânicas e próximo a África do Sul alcançando a região do oceano Índico perto da Ilha da Madagascar. A região do Mediterrâneo conta com ampla difusão dessa espécie. No lado oeste do oceano Atlântico a concentração dos peixes garoupa se dá em particular perto do Rio de Janeiro e a região da Patagônia.